Portal da Prefeitura de Cabo Frio

Fazenda Campos Novos será apresentada como referência da cultura afro-brasileira

Por em 20/03/2017
A Comissão da Verdade sobre a Escravidão no Brasil e lideranças quilombolas vão apresentar, durante a 27ª edição da Semana Teixeira e Sousa, a proposta para tornar a Fazenda Campos Novos, no Segundo Distrito, referência da cultura afro- brasileira. A apresentação será na terça-feira (28), às 11h30. O local foi escolhido devido à existência de cinco comunidades quilombolas no seu entorno.

Em Cabo Frio existem os quilombos Espírito Santo, Maria Romana, Botafogo, Preto Forro e Maria Joaquina. Essas comunidades são formadas por descendentes de africanos escravizados que lutam pela preservação de sua cultura e a garantia de seus direitos. Nelas vivem aproximadamente 100 famílias em cada comunidade, que somam cerca de quatro mil pessoas.

“As comunidades representam a nossa história e memória viva, através dos mais velhos que detêm muitas das tradições e heranças ancestrais. Como guardiãs de saberes e fazeres dos povos africanos, elas possuem valor inestimável à construção de uma sociedade que respeita sua diversidade e pluralidade étnica”, disse o coordenador geral da Semana Teixeira e Sousa, João Felix.

A Fazenda Campos Novos está no centro dessas comunidades. Ela foi construída em 1690 pelos jesuítas e abriga um conjunto arquitetônico composto por casa-grande, igreja e cemitério. Atualmente, a fazenda é usada como sede da Secretaria de Agricultura e também abriga o Canil Municipal.