Portal da Prefeitura de Cabo Frio

Prefeitura reúne imprensa para apresentar esquema de ordenamento do Carnaval 2017

Por em 24/02/2017
A Prefeitura de Cabo Frio realizou uma coletiva de imprensa na manhã desta sexta-feira (24) para apresentar o esquema de ordenamento do Carnaval 2017. O encontro aconteceu na Casa de Cultura José de Dome (Charitas), onde foram esclarecidas dúvidas sobre mobilidade urbana, suporte oferecido aos blocos, atividades na Praça da Cidadania e atuação das diversas áreas do governo municipal.  

Durante a coletiva, o prefeito Marquinho Mendes explicou os motivos da realização de um Carnaval menor, e de não pagar subvenção aos blocos de arrastão e escolas de samba do município neste ano. Esclareceu que as prioridades nesse início de governo são pagar os servidores e reorganizar setores que estavam desestruturados como saúde, educação e coleta de lixo. Mas o prefeito deixou claro que a folia terá o apoio necessário por parte do governo.

“A cidade está preparada para o Carnaval. Nossa equipe fez todo um planejamento para que as famílias possam se divertir. Estamos trabalhando para fazer um carnaval com ordem e muita alegria”, ressaltou o prefeito.

Ele disse ainda que o Carnaval de 2018 vai começar a ser preparado a partir de março deste ano e que vai buscar apoio da iniciativa privada para que a festa volte a acontecer como era antes, com blocos de arrastão e desfile das escolas de samba.

Este ano, os blocos ficarão no esquema "concentra, mas não sai" e, com isso, não poderão circular pelas ruas, ficando parados em seus locais de origem. Serão 28 blocos na cidade, sendo 24 nas ruas e 4 em um clube. A Prefeitura irá arcar com a instalação de banheiros químicos em pontos estratégicos da cidade.

Duas tendas foram montadas na Praça da Cidadania, na Orla da Praia do Forte, onde acontecerão bailes infantis e da terceira idade com arrecadação de alimentos não perecíveis e material de higiene pessoal. O local também será ponto de informações e de encontro de alguns blocos, por isso será chamado de ‘Estação Central do Carnaval’.  A programação cultural é intensa e acontece todos os dias a partir das 16h. 

Os hospitais e as Unidades de Pronto Atendimento, UPAs, de Tamoios e Parque Burle, irão funcionar normalmente durante a folia e o número de profissionais será intensificado. Durante esse período, as UPAs vão contar com mais dois médicos plantonistas, quatro enfermeiros, além de duas ambulâncias para reforçar os atendimentos em cada unidade. Diariamente elas contam com quatro clínicos, três pediatras, uma médica visitadora e duas ambulâncias.

A Secretaria de Saúde irá disponibilizar panfletos e preservativos para prevenir doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). O material ficará disponível no Terminal Rodoviário Alexis Novellino, de sábado (25) a terça-feira (28)

Segurança e Mobilidade
A Secretaria de Mobilidade Urbana orienta a população a deixar o carro em casa. Algumas ruas serão interditadas, como a Orla da praia do Forte que será fechada ao trânsito de veículo, a parir das 17h desta sexta-feira (24). Também terão bloqueios, intervenções e ações dos agentes ruas dos bairros Gamboa, Ogiva, Peró, Parque Burle, Jardim Excelsior, Centro e Avenida Litorânea e demais ruas adjacentes à Praia do Forte. Outros pontos estratégicos poderão ter ações emergenciais com intervenções para oferecer melhor fluidez do trânsito. Uma equipe de manutenção de semáforos também estará de plantão.

Para reforçar a segurança, a Guarda Municipal estará nas ruas com um efetivo de 100 agentes. Eles ficarão em pontos estratégicos e também circulando pela cidade em seis viaturas e seis motos.

A população do Pero agora conta com uma Base Integrada da Guarda Civil Municipal e da Polícia Militar, na Praça do Moinho. A segurança será feita por dois agentes da Guarda e da PM e terá uma viatura em plantão de 24h. O prédio conta com uma sala de atendimento, um alojamento e um banheiro.

Orientação também para locais de estacionamento de ônibus, micro-ônibus e vans de turismo. Caso o Terminal Municipal de Ônibus de Turismo, no Porto do Carro, não comporte todos os veículos, uma vez que a capacidade é para 134 automóveis, as ruas próximas à Estrada da Perynas, atrás do mercado Assaí, na Praia do Siqueira, serão usadas como estacionamento. O embarque e desembarque dos passageiros está autorizado apenas entre 21h às 9h.

Quem precisar de informações turísticas, pode se dirigir aos Centros de Atendimento ao Turista, CATs. Os polos do Boulevard Canal e da Rodoviária vão funcionar todos os dias de Carnaval, de 8h as 18h.

Meio Ambiente
As Coordenadorias de Meio Ambiente e Assuntos Fundiários da Secretaria Municipal de Desenvolvimento da Cidade e a Guarda Marítima Ambiental estarão de plantão durante o período de Carnaval coibindo e fiscalizando ações que sejam consideradas nocivas ao meio ambiente em Cabo Frio.

As ações vão se concentrar na Ilha do Japonês, Praias do Peró, das Conchas, do Forte e no cais do bairro da Passagem. No acesso à Ilha do Japonês e à Praia das Conchas, haverá fiscalização acerca do estacionamento, sendo respeitado o limite de 300 veículos na Ilha do Japonês e 500 veículos para a Praia do Peró. Em caso de lotação dos estacionamentos, será disponibilizado um espaço alternativo, que não coloca em risco a cobertura vegetal nativa, além de um ônibus tipo “jardineira”, que fará o deslocamento desse local até a Praia do Peró.

Também haverá fiscalização para coibir a emissão de som de forma irregular,. Carros com som  alto e acima do volume permitido por lei serão rebocados  e caixas de som serão apreendidas.

Coleta de Lixo
A coleta de lixo, galho e entulho, além da varrição também serão intensificadas durante o Carnaval.  Ao todo 50 pessoas irão trabalhar para manter a cidade limpa nesses dias de festa. Segundo o diretor da companhia municipal de Limpeza, Claudio Moreira, solicitou a lavagem das principais avenidas do Centro, Peró e Tamoios. O serviço acontecerá pela manhã durante todos os dias do carnaval.

Participaram da reunião o prefeito Marquinho Mendes, o secretário de Cultura, Ricardo Machado, o secretário de Desenvolvimento da Cidade, Claudio Bastos, o secretário de Mobilidade Urbana, Mauro Branco, o coordenador de Meio Ambiente, Eduardo Pimenta e o coordenador de Fiscalização de Posturas, Gilson da Costa, entre outros gestores.