Portal da Prefeitura de Cabo Frio

Sala de Arboviroses completa um mês de funcionamento

Por da Redação em 07/04/2017
A Sala Municipal de Coordenação e Controle das Arboviroses (dengue, chikungunya, zika e febre amarela) completa um mês nesta sexta-feira (7).  Desde a sua implantação, foram registradas 20 notificações de suspeita de chikungunya, duas de zika e 141 de dengue. Todos ainda não confirmados.

Para o coordenador do Combate a Vetores do Departamento de Vigilância Sanitária, Paulo Campos, esse número está abaixo do esperado, graças aos mutirões que têm sido realizados na cidade, além de tratamento de larvas e o recurso do fumacê.

“O Levantamento de Índice Rápido para o Aedes aegypti (LIRAa) do mês de  janeiro apresentou alto índice de infestação em alguns bairros do município, mas a última pesquisa detectou uma redução considerável. Cabo Frio está dentro de uma zona de tranquilidade, mas o trabalho é continuo”, disse  o coordenador.

Nesta sexta, agentes da Vigilância em Saúde estão atuando no bairro Vila do Sol. Na quinta (6) foi no bairro Cajueiro e adjacências. Para semana que vem, uma nova escala está sendo preparada.

A iniciativa da Secretaria Saúde em criar a Sala visa promover parceria entre todos os setores da sociedade na elaboração e execução de ações conjuntas que colaborem para evitar o aparecimento de epidemias.

“A Sala facilita o trabalho das equipes da saúde, porque as ações dependem de todos. Cada setor tem suas responsabilidades. Todos são importantes no combate do mosquito Aedes aegypti”, ressaltou a superintendente de Vigilância em Saúde de Cabo Frio, Lucy Pires.